PROPRIEDADES PARTICIPANTES DO PRODUTOR DE ÁGUA DO RIO CAMBORIÚ SÃO VISTORIADAS

Duas propriedades inseridas no projeto Produtor de Água do Rio Camboriú, localizadas na Estrada Geral do Braço, foram visitadas nesta quinta-feira (27). A equipe vistoria as áreas a cada seis meses, para verificar se estão de acordo com os requisitos necessários para a liberação do auxílio financeiro repassado pela Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA), aos proprietários que desenvolvem ações de recuperação e conservação das nascentes, matas nativas e outras áreas importantes para a conservação dos recursos hídricos na bacia do Rio Camboriú.

Atuante nesta causa desde 2013, uma das propriedades vistoriadas foi de Nery Gonçalves. Da área total de 21,70 hectares, tem inserido no projeto 15,68 ha de área de conservação e 1,16 ha de restauração. Na oportunidade, foi entregue ao produtor rural a placa em homenagem aos Guardiões da Água, feita em comemoração dos 10 anos do Produtor de Água que ocorreu em novembro do ano passado. Como nem todos os produtores puderam estar na cerimônia, algumas são entregues durante as vistorias. A segunda propriedade visitada foi de Renato Rodolfo, participante desde 2015 com uma área de vegetação conservada de 30,19 hectares, da área total de 51,28 ha.

De acordo com a equipe, as propriedades vistoriadas estavam de acordo os requisitos do programa para a liberação do auxílio financeiro.

Sobre o Produtor de Água

Inspirada pelo Programa Produtor de Água da Agência Nacional de Águas (ANA) e por experiências internacionais, a Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (EMASA) criou o Produtor de Água do Rio Camboriú em 2009. A iniciativa destina parte dos recursos da arrecadação anual, para a conservação e recuperação da bacia hidrográfica do Rio Camboriú, incentivando proprietários rurais a adotarem práticas conservacionistas em suas propriedades. Até o momento, o projeto conta com 27 propriedades parceiras e possui 1.154,28 hectares de área conservada, além de 70,97 hectares em processo de restauração.

Post anterior
Equipe do Produtor de Água vistoria quatro propriedades nesta semana
Próximo post
Lançado Boletim do Programa Produtor de Águas do Rio Camboriú

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

três + doze =

Menu